quinta-feira, 24 de maio de 2012

Costumes Africanos - Curiosidades

Confiram as curiosidade que separamos a cerca dos costumes de alguns grupos étnicos da África. Aproveitem para refletir sobre até que ponto a preservação da identidade cultural de um povo é benéfica ou não para a população.

Características do continente africano:

O continente africano foi o primeiro território a ser habitado e hoje é um dos mais ricos em diversidade cultural. A África abriga diversas tribos e grupos étnicos. Os mais de 50 países do continente possuem até 20 grupos diferentes. Cada um desses grupos e dessas tribos, que podem ser formados por centenas, milhares ou até milhões de pessoas, possuem sua própria cultura, tradições e costumes.
Esses costumes e tradições chamam a atenção por serem, em muitos casos, curiosos, engraçados, esquisitos, chocantes ou polêmicos. A cultura das tribos africanas é muito rica e por isso existem várias crenças e rituais, que, na maioria das vezes, são muito distantes da nossa realidade e das crenças e tradições ocidentais.

Nós separamos alguns costumes, no mínimo, diferentes dessas tribos:

                                                                                                                
                             
                      Tribo Surma
1.tribo surma
Essa tribo é composta por um povo isolado no sudoeste da Etiópia e suas mulheres têm como costume o uso de discos de madeira em seus lábios inferiores. Em ocasiões festivas, também costumam pintar seus corpos. O tamanho do disco é proporcional à grandeza do dote que a família da noiva pode pagar ao noivo. Elas só podem tirar o disco quando não há homens por perto. Para essa tribo, quanto maior o disco, mais bonita e rica é a mulher.




                                                          
                                                         
                                                          


                                                                   Tribo Ndebele e Padaung
A Ndebele fica em Lesedi, na África. As mulheres que a habitam usam pesadas argolas de metal no pescoço, pernas e braços, depois que casam. Segundo elas, as argolas servem para não fugirem de seus maridos e nem olharem para o lado.
1.tribo ndebele
Na tribo de Padaung, em Burma, as mulheres também têm o mesmo costume e são conhecidas como “mulheres girafas”. O seus pescoços são alongados utilizando anéis metálicos, que podem alcançar até 30 centímetros, os quais vão sendo substituídos até atingirem a fase adulta.
Para o povo Padaung, o pesçoço é o centro da alma, é a identidade da tribo, por isso os protegem muito bem com os anéis feitos de latão e cobre, que também são colocados nos pulsos e tornozelos. Eles chegam a pesar 12 quilos com  até 8.5 milímetros de diâmetro.
As mulheres retiram os anéis para tomar banho, mas, depois de dez anos contínuos usando essas argolas, elas afirmam que as consideram parte do seu corpo.


            
http://www.aventureiro.blog.br/wp-content/uploads/2009/04/hanssilvesterafricafashion540x380.jpg
            Tribos do vale do Omo

Os habitantes dessas tribos, que ficam no leste da África, usam elementos da natureza para a pintar e decorar o corpo. A região possui uma imensa paleta de cores – ocre vermelho, caulim branco, verde cobre, amarelo luminoso ou cinzento – que são extraídas de pedras , barro, frutos e plantas.

Eles possuem criatividade e bom gosto ao escolher formas, texturas e combinar cores que provocam inveja em qualquer produtor de moda. Olha só o vídeo produzido em uma dessas tribos:

 
O vídeo aborda as ameaças que o desenvolvimento econômico provoca às tribos do Vale do Omo

                    
                   
             Tribos da Nigéria

Em algumas regiões da Nigéria, as mulheres fazem escarificações no corpo, marcas de cortes epiteliais que representam fases importantes em suas vidas. Quando cicatrizam, os cortes assemelham-se a uma renda. Como elas não usam roupas, as cicatrizes também representam símbolos de beleza.
1.tribo nigeria
As marcas são feitas  a partir dos  5 anos de idade, em partes específicas do corpo, obedecendo a uma sequência. As jovens só são consideradas adultas e aptas para o casamento quando toda a sequência de desenhos estiver completa.
Para quem quiser pesquisar mais sobre as tribos africanas, seguem alguns exemplos: Afar, Éwés, Amhara, Árabes, Ashantis, Bacongos, Bambaras, Bembas, Berberes, Bobo, Bubis, Bosquímanos, Chewas, Dogons, Fangs, Fons, Fulas, Hútus, Ibos, Iorubás, Kykuyus, Masais, Mandingos, Pigmeus, Samburus, Senufos, Tuaregues, Tútsis, Wolofes e Zulus.


*Esse texto foi adaptado*

Por: Mariana, nº 20


4 comentários:

  1. Acho a cultura africana meio que diferente, nada anormal ao ponto já que as Culturas de todas ás regiões são diferentes, e sim em alguns pontos de seus costumes pode ser estranho, mas só para nós que não vivemos naquilo. Mas seus costumes visto por quem apressia a cultura de vários povos são diferentes e brilhantes.

    ResponderExcluir
  2. Adorei a forma como abordou este tema! Só tenho um reparo a fazer: Porque não aprofundá-lo? Creio que ainda não existe um registro escrito da complexidade e abundância dos costumes retratados pela cultura africana. Tantos costumes, tantas tradições, tanto por dizer...

    ResponderExcluir